terça-feira, 5 de junho de 2007

a eito

Meu passado é um mapa
Riscado de agruras e regozijos.

Meu futuro é um labirinto
Povoado de medos e esperanças.

Um mapa para o labirinto
Nem sempre correspondentes
Incompatíveis
Incomplementares...

No passado eu me encontro
No futuro me espero.

Nas previsões e
Nas surpresas
Vou deixando minhas pegadas
Borradas
Coloridas
Encantadas
Doloridas.

[João Guedes]

3 comentários:

a dama da livre poesia disse...

que coisa mais linda...
me deu vontade de ler tudo. onde se escondem esses poetas em salvador???

e adorei o comentário. faltou dizer quem indicou meu pobre blog!
um beijo pra voce

Anônimo disse...

Por que nao:)

Anônimo disse...

Eu como!